Poupar para viajar!! Açores

A viagem para os Açores, para não variar, foi organizada por mim, desde viagens, alojamento, aluguer de carro, roteiro e afins… No entanto desta vez tive que programar de uma forma diferente porque éramos cinco pessoas!!

Deixo aqui muitas dicas e curiosidades sobre São Miguel!! 😉

Viagens de avião:

Comecei por pesquisar as viagens de avião para a Ilha de São Miguel, desde o Porto e vice-versa, nos vários sites de pesquisa e depois comprei directamente nas aplicações das companhias aéreas! Não foram as mais baratas, porque já vi viagens para o mesmo destino por um preço bem inferior, como também já vi com preços bem mais altos… A viagem foi para o final do mês de Maio e eu comprei as passagens em Outubro… sempre tudo programado e comprado com antecedência!! Fomos pela TAP, com direito a lanche e a uma bagagem de cabine incluídos no preço! E regressamos ao Continente pela Ryanair, com bagagem de cabine e lugares marcados, extras que acresceram ao valor da viagem, e sem direito a lanche!!! Ambos os voos foram pontuais e tranquilos, mas sem dúvida que prefiro a TAP e de vez em quando a empresa oferece bons preços em alguns voos!! Cheguei a fazer Amesterdão – Porto por €39,25 em pleno Agosto!! 😉

Aluguer de carro:

Se alguém estiver na dúvida em alugar carro, o melhor é mesmo esquecer as dúvidas sobre o assunto… é imperial alugar carro para se deslocar na ilha. Os transportes públicos são escassos e não permitem conhecer os melhores sítios… ou seja, não conhece nada sem carro!! Eu pessoalmente não gosto de conduzir nas grandes cidades, parece que toda a gente está com pressa e querem chegar aos destinos seja lá da maneira que for… e eu sou da paz, gosto de tranquilidade, até para enfrentar o trânsito!! E em relação a conduzir em São Miguel, só tenho a dizer coisas positivas!! As estradas são muito boas, muito bem sinalizadas, o combustível é mais barato e o ponto mais distante que fiz, foi para chegar ao Nordeste para visitar um dos extremos da ilha, onde se situa o Farol do Arnel e foram cerca de 60km… para visitar as lagoas que ficam nas montanhas ou serras, as estradas são igualmente fantásticas, que nem parece Portugal… Por isso, sem medos para conduzir na ilha!! 🙂

Eu aluguei o carro cerca de mês e meio antes da viagem e infelizmente o carro que eu queria já não estava disponível e tive de escolher outro, o que me saiu mais caro… por isso aconselho a fazerem a reserva com bastante antecedência e quaisquer dúvidas entrem em contacto com a agência e eles esclarecem tudo!! Eu tinha algumas questões e através da página do Facebook, pelo messenger, fiz as perguntas e obtive as respostas quase de imediato!! Fiz um seguro TOP, que basicamente é um seguro “contra todos os riscos”, excluindo jantes e a parte de baixo do carro, e apesar de ficar mais caro é sem dúvida mais tranquilo e assim também não se paga franquia!! O carro foi entregue no aeroporto e recolhido no mesmo local, por opção minha!! 🙂 Aconselho a tirarem fotografias ao carro como prova das condições do mesmo. No meu caso, como o seguro não cobria danos nas jantes e estas estavam bastante riscadas e apesar de apontarem no relatório, o funcionário que me entregou o carro aconselhou-me a tirar fotos dos danos e foi o que eu fiz!! Mas na entrega do mesmo não tive qualquer problema, foi tudo tranquilo!!

Alojamento:

Após uma pesquisa elaborada, e porque sendo cinco pessoas, temos de pensar um pouco mais pela privacidade e conforto de cada um para convivermos em harmonia durante uma semana!! Os hotéis ficaram de parte porque muitas refeições podiam ser feitas em casa e os preços para 8 dias, 5 pessoas, ultrapassavam de longe todo o dinheiro que gastamos na viagem com todas as despesas incluídas!! 😀 Então optei por um apartamento de 3 quartos e duas casa de banho e felizmente encontrei um em Ponta Delgada, mesmo ao lado do famoso e muito pretendido, Hotel Lince, com vista para o mar e para a montanha!! 🙂 O apartamento está muito bem localizado e as condições são excelentes. As divisões bem espaçosas, a cozinha super bem equipada, com tudo o que é preciso para fazer boas refeições, (incluindo azeite, sal, açúcar, café, entre outros…), uma zona de lavandaria com máquina de lavar e bem ventilada para secar a roupa, a sala com TV na zona de estar e jantar, muito simples, mas muito bem decorada, janelas grandes por todo o apartamento, incluindo uma varanda na sala. O wi-fi excelente e para finalizar, o anfitrião, o Sr. Carlos, super simpático, bem disposto e disponível para as minhas dúvidas, sobre a casa e a ilha, partilhando dicas preciosas para a nossa estadia ser ainda melhor!! E sem esquecer o presente de boas vindas com produtos da ilha!! Apesar de ter descoberto o alojamento pelo Booking, reservei directamente com o proprietário, tudo sempre com a maior seriedade!!

Dicas e curiosidades:

  • Durante quase todas as viagens de carro, temos o mar como companhia!! 🙂
  • O mar durante uma semana esteve sempre muito calmo, como se fosse um manto azul que se prolongava até à linha do horizonte!!
  • O típico cheiro de maresia era nulo, não cheirava a mar…
  • Os Micaelenses são um povo fantástico, acolhedor e sempre prontos a ajudar o próximo com um sorriso sincero no olhar!!:)
  • A ilha é tão tranquila que as pessoas deixam as chaves de casa na porta!! Cheguei a apreciar esta situação no Nordeste!! 😀
  • O prato mais famoso da ilha é o Bife, que é acompanhado de batatas fritas, alguns legumes e muito alho!!! Experimentamos no Galego, considerado por muitos o melhor bife da ilha! Pedimos o Bife do Lombo!! E é uma delícia!! 😉
  • Os almoços foram sempre fora e então comemos sempre pratos do dia, deliciosos por menos de €10 com bebida e café incluídos, o segredo é perguntar aos locais onde se come, bem e barato!! 😉
  • O combustível é mais barato e não se pagam autoestradas… existem vias rápidas, que por sinal são excelentes e gratuitas!!
  • Durante toda a viagem a vida animal está presente!! Vacas “felizes” a pastarem por toda a ilha, cabras, cabritos, cavalos, patos, gansos, imensos gatos e muitos peixes!! Adorei 🙂
  • Para não haver surpresas menos boas por causa da meteorologia, antes de irem visitar certos sítios, como por exemplo, o Miradouro da Boca do Inferno, o melhor mesmo é instalar a aplicação SpotAzores, que permite ver em tempo real vários locais de interesse em todas as ilhas dos Açores, através de webcams!! 😉
  • Como só uso wi-fi e o carro não tinha GPS, no Google.Maps existe a opção, mapas offline, e é só transferir o mapa da zona pretendida quando estiver online e depois ele funciona normalmente (só para percursos de carro). Então transferi o mapa da ilha de São Miguel, auriculares nos ouvidos e fui a todos os lados!! 😉
  • Em muitos sítios onde a entrada é paga, se tiverem mais de 65 anos geralmente pagam metade do valor!!
  • Finalmente, a vontade de regressar aos Açores é uma certeza mesmo antes de voltarem ao Continente!! 😀
  • Seguir o meu Instagram e Facebook para mais fotos e vídeos!

Para além deste artigo, o roteiro já foi publicado, dividido em 3 artigos: Parte I; Parte II e Parte III com todos os locais visitados e muitas dicas e o meu Top 10 dos sítios imperdíveis em São Miguel!!

Aconselho vivamente a visitarem os Açores e espero regressar em breve e talvez optar por conhecer a Ilha Terceira que dizem que não fica nada atrás da primeira!! Mas sem dúvida que voltava já amanhã a São Miguel!!

Até já!! 😉

3 pensamentos sobre “Poupar para viajar!! Açores

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.