Casa da Castrália

Sala da Música

A “Casa da Castrália” não é apenas uma casa, uma vivenda ou um palacete… é bem mais do que isso, pelo peso da sua história e do homem que a mandou construir! Está situada na Freguesia de Louredo da Serra no Concelho de Paredes. Fica aqui, parte do legado deste “Brasileiro de Torna – Viagem”, um benfeitor em terras do Vale do Sousa!

A poucos quilómetros de casa e fazendo parte do meu concelho, esta casa repleta de história e arte, há muito que despertou a minha curiosidade e a oportunidade para conhecê-la surgiu, pois umas das minhas “companheiras de viagem”, para além de Artista Plástica é também Agente Imobiliária e este belo, apesar de degradado, palacete foi posto à venda no mercado e eu tive o privilégio de o conhecer e de saber um pouco mais da sua história! Por isso, se tiver interesse na compra desta fabulosa vivenda, eu posso direcioná-lo até ao vendedor!

Entrada da Castrália

“Brasileiros de Torna – Viagem”

Entre as duas últimas décadas do século XIX e as duas primeiras do século XX, partiram de Portugal, incluindo de várias freguesias do Concelho de Paredes, inúmeros portugueses rumo ao Brasil em busca de uma vida melhor! E alguns deles regressaram às suas origens bem sucedidos financeiramente e intelectualmente. Conhecidos como “Brasileiros de Torna – Viagens”, traçados de um perfil filantrópico, decididos a dedicar parte das suas fortunas para melhorar e enriquecer as terras rurais onde nasceram e cresceram, regressaram a Portugal, com o intuito de investir em boas causas em prol do desenvolvimento em várias áreas, desde o apoio à instrução, construindo várias escolas e à solidariedade social, patrocinando as Misericórdias, igrejas, confrarias, asilos, hospitais e auxiliando os mais pobres!

“Miradouro da Castrália”

Um destes homens, já esquecido por muitos, desconhecido por outros e certamente na memória de alguns, trouxe ao Concelho de Paredes e principalmente à sua freguesia, Louredo da Serra, o desenvolvimento social e cultural, deixando a sua marca na história do país!

“Sala da Música”

Adriano Moreira de Castro, nasceu a 9 de Dezembro de 1858 no Lugar de Sobradelo na freguesia de Louredo e partiu para a cidade de Belém do Pará no Brasil com os seus 14 anos. Começou a trabalhar como aprendiz no comércio e anos mais tarde criou o seu império com a sua própria empresa Araújo, Castro e C.ª.

“Sala de Jantar”

Regressou a Portugal por volta de 1901, comprou vários terrenos e num deles construiu a sua vivenda apalaçada, à qual deu o nome de “Castrália”! Os Brasileiros Torna – Viagens, transformavam as suas habitações em espaços de tertúlia e festas!

“Sala de Jantar”

E a “Casa da Castrália” não foi excepção, tendo recebido inúmeros amigos, pessoas menos abastadas, republicanos, intelectuais, músicos e personalidades importantes tais como: o milionário brasileiro, Leónidas de Castro; o ministro Alfredo Magalhães; o Bispo do Porto e o compositor musical, Álvaro Teixeira Lopes que compôs uma valsa em honra do anfitrião denominando-a de “Castralia”!

“Quarto do Bispo”

Casa da Castrália

A “Castrália” foi construída no início do século XX e provavelmente concluída no ano de 1909, data indicada no portão de entrada principal. O palacete tem quatro pisos: a cave com um enorme lagar e vários espaços de apoio à agricultura; o rés do chão com os espaços mais incríveis, a começar pela Sala de Jantar, a Sala da Música, o Quarto do Bispo, a Sala da Geografia e uma pequena cozinha. Os outros pisos são compostos por mais quartos e salas, sem esquecer um belo e espaçoso miradouro com vistas para a pataca freguesia. Existe ainda uma escada em caracol de madeira que era usada pelos empregados, com acesso a todos os pisos, evitando assim, cruzarem-se com os patrões ou as visitas.

Sala da Música” e os pormenores dos instrumentos musicais em relevo no tecto!
“Sala da Música”

Existem também muitos objectos da época espalhados por toda a casa, incluindo um cofre, um piano, malas de viagem, livros, peças de decoração, mobiliário… enfim, em cada divisão existe sempre alguma coisa para nos surpreender!

Sala de Lazer no piso superior

Os espaços mais bem conservados, e na minha opinião, de maior beleza são: a Sala de Jantar, com murais pintados nas paredes com cenas que representam o Estado do Pará no Brasil, desde: a Fonte das Sereias; a Avenida Dezesseis de Novembro de Belém entre outros e os tectos em estuque com figuras em alto relevo de animais ligados à caça e frutos exóticos e a Sala da Música com murais de figuras infantis tocando instrumentos musicais e no tecto, em estuque também e com figuras de instrumentos alusivos à música em alto relevo! Não esquecendo a beleza do chão que é feito de madeira importada do Brasil (pau-brasil e pau-cetim) com o monograma ao centro, AMC, sugerindo as iniciais do nome do proprietário, Adriano Moreira de Castro!

Os Brasileiros de Torna – Viagens deixaram as suas marcas pelo Concelho de Paredes, foram vários estes homens que zelaram pela evolução das suas terras e aqui deixo os exemplos que são mais conhecidos!

Em Baltar, a terra onde nasci e fui criada: Casas dos Pereiras; Casa de Ernesto Leão /Casa do Dr. Ferreira e Casa do Comendador Pereira Inácio

Em Cête: Villa Martins; Escola do Verdeal e Casa do Verdeal

Em Lordelo: Palacete dos Silvas Moreiras; Casa de Amaro Martins Ribeiro; Casa do Ribeiro e Casa do Zeferino Alves Lama

Em Astromil: Capela de Santa Margarida

Em Paredes: Palacete da Granja / Palacete do Visconde de Paredes

Em Louredo: Casa da Castrália; Casa do Gradil e Escola de Louredo

Depois de várias pesquisas sobre os “Brasileiros de Torna – Viagens”, as palavras do Tenente-Coronel José Ribeiro da Costa Júnior faziam e nos dias de hoje continuam a fazer todo o sentido: “…os brasileiros de torna-viagem são diferentes dos “novos ricos” que surgiram em Portugal, nos finais do século XIX, na medida em que se preocuparam em dotar as suas comunidades com infra-estruturas que empregnaram algum desenvolvimento, e não se limitaram a esbanjar o dinheiro angariado no Brasil…”

Siga-me no Instagram e Facebook!

Actualização: A Casa da Castrália foi vendida à Câmara Municipal de Paredes!(2/11/2021)

Até já! 🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.